Nossas Raízes
  • O Patriarca

    A família Fernandes Lima está na pecuária de corte desde o período Imperial com seu ancestral Antônio Fernandes Lima (militar)*.

    Antônio Fernandes Lima foi o tronco vigoroso, altaneiro e fértil dessa numerosa e, por todos os pontos de vista, respeitada família - os Fernandes Lima. Citar todos os seus incontáveis descendentes é impossível, devido ao grande número de membros. Por isso, foi escolhido um ramo dessa maravilhosa árvore que apresenta particularidades originalíssimas. Um dos filhos de Antônio, Belisário, que foi, como o pai, militar, conquistou o posto de tenente coronel. Se os Fernandes Lima sempre foram exemplarmente ciosos - e tinham para isso mais do que suficientes razões - para cultuar, preservar impoluto o honrado e glorioso nome familiar, este Belisário foi, neste particular, inexcedível e originalíssimo. "Filha minha, ainda que casada, conservará meu nome!" E tomou providências para que isso fosse efetivado ainda que o esposo não concordasse em preservar o sobrenome de solteira da tornada esposa. Como isso foi possível?! Foi fácil. Eis os nomes de suas numerosas filhas: Rosalima, Audelima, Praudelima, Cylima, Avelima, Romalima e Izolima! Além dos filhos Narciso, Eduardo, Firmino e José. Prole numerosa embora a mãe deles, Marfiza Jardim de Lima, tenha falecido com 46 anos, em 26 de abril de 1878, em conseqüência de hemorragia uterina, conforme atestado do tenente cirurgião Emigdio Bonorino, óbito nº 116. O filho Firmino vem a ser o lutador e posteriormente abastado e respeitado fazendeiro, proprietário da Estância Pedra Lavrada. Teria sido este Firmino o autor daqueles boletins, diminutos, conclamando seus inimigos e correligionários a aderir aos ideais republicanos? O mesmo que manteve polêmica, pelo jornal local, sobre tema político? Não se sabe a resposta certa, fica a dúvida. Firmino era casado com sua tia Estefânia, aparentava gênio sereno, severo e - pelo menos no fim da vida dele - não tinha pendores ou, pelo menos, não exercia atividade política, proselitismo partidário. Neste ramo, havia procedimentos surpreendentes, pois o casal Firmino-Estefânia entre outras originalidades, casaram-se muito jovens. Ele com 18 e ela com 16. Durante uma visita de uma amiga, Estefânia comenta que quando casou, seus parentes falavam que tinha feito um péssimo casamento, por serem muito jovens e pobres. Logo depois de casados, Firmino toldou, com Santa-Fé, duas carretas, uma delas, era a casa deles e auxiliados pelos peões foram para o mato, tirar madeira para ser feita a casa onde morariam. Estefânia cozinhava para todos e quando começaram a enriquecer, as críticas deixaram de ser feitas. Quando Firmino foi cobrindo ela de jóias - jóias caras, os Fernandes Lima muito apreciam jóias - todos passaram a elogiar o casamento. Mas, mesmo assim, ela tinha saudade do tempo que eram pobres, porém nessa época tinham saúde, e sempre dizia que trocaria tudo, dinheiro, roupas finas, jóias, pela saúde perdida. Desse casal, nasceu o Clóvis que era apaixonado pela vida. Vivia, ele, intensamente a vida fosse qual fosse o momento. Trabalhava como se vivesse só para o trabalho; divertia-se como vivesse só para divertir-se; ganhava muito dinheiro, como se só para isso se empenhasse, gastava imoderadamente nos mais caros e divertidos divertimentos; o dinheiro, para Clóvis, era servo ao serviço dele e jamais escravo do dinheiro, que era meio não finalidade da existência. Participou, como sempre, intensamente nas mais variadas atividades econômicas, sociais, recreativas, associativas. E como contribuía sem esquivanças! Nas primeiras exposições de Pecuária, como em todas as outras ocasiões, à mesa em que sentasse o "velho" Clóvis, se tornava local apropriado para observar visitantes, amigos, conhecidos e até desconhecidos.

  • 2ª Geração



    A Fazenda foi herdada por Belisário Fernandes Lima, filho de Antônio Fernandes Lima.

  • 3ª Geração



    A Fazenda Bom Retiro foi adquirida por Firmino Fernandes Lima, filho de Belisário Fernandes Lima, em 1940, de Ananísio Marques. Tendo como área total 4.464 hectares.

  • 4ª Geração



    Herdada por Fermino Fernandes Lima Junior em 1942, arrendada até sua maioridade. A partir de 1958 começou a repovoar a fazenda com gado e estabelecer parcerias para o plantio de arroz.

  • 5ª Geração



    Carlos Eduardo e Fernando Lima, dando continuidade ao trabalho ligado ao campo, seguindo a tradição da família, participam na administração da Bom Retiro.

« Voltar | Topo
 
   


 


www.brangusnet.com.br

© 2012 - Todos os direitos reservados.



Av. Borges de Medeiros, 1950 | (55) 3433 1113
Itaqui - RS | Cep: 97650-000
Cavalos Crioulos Galeria de Imagens Angus Brangus Fale Conosco Localização Estância Bom Retiro